Funil de Vendas

Já ouviu falar em “Funil de Vendas”?

funil
Exemplo de Funil de Vendas

Algumas pessoas acreditam que farão uma página com os seus produtos ou vão distribuir folhetos pelo bairro e pá! Em alguns momentos milhares de visitantes irão clicar no botão Comprar ou centenas de Clientes irão aparecer e tudo estará resolvido.
Existem também os que pensam: “Não posso iniciar um negócio agora porque não tenho condições de fazer para muita gente”.

Deixa eu te contar uma coisa: você pode começar com o que você tem, porque CERTAMENTE não começará fazendo para muita gente.

Ninguém que produz brigadeiros gourmet ou brownie, por exemplo, começou fazendo 500 unidades por dia. Até porque isso seria as mil maravilhas, né?

Só que não é assim que funciona na vida real.

giphy-1
Ahhhh, juraaaaaaaa???

Assim como em uma loja de rua, em que milhares de passantes olham, alguns entram e não levam nada; na sua página acontecerá o mesmo: milhares de visitantes vão entrar e apenas uns poucos vão comprar.

Essa sistemática acontece de acordo com o que chamamos de Funil de Vendas. Onde um grande número de visitantes vai entrar, passar por você, mas só um número muito reduzido – uma espécie de suco extraído – irá se transformar em Cliente.

Por que isso acontece?

Porque para haver VENDA é preciso que haja engajamento. É preciso que o Cliente esteja em busca da solução que você irá oferecer para ele.

Vender é quebrar objeções e sanar dúvidas de Possíveis Compradores. Se aos Possíveis Compradores não restam dúvidas e nem objeções; a venda é concretizada. Talvez seja só uma compra. Ou pode ser que esse Comprador se torne, de fato, um Cliente.

Cliente é aquele que paga pelo valor do seu produto, fica satisfeito e, de quebra, ainda se sente agradecido. É quem CONFIA em você.

Se você está desanimado porque recebe muitas visitas, possui uma audiência forte e no final não realiza muitas vendas; pode ser que esteja havendo alguma barreira em seu Funil durante esse processo.
Ou pode ser que simplesmente você ainda não tenha atraído visitantes suficientes ou não tenha prospectado o bastante.

Se a cada 30, 40, 50 visitantes prospectados você concretiza uma venda, estabeleça um índice.
– Puxa, prospectei 25 clientes e nada! Só obtive “Não” como resposta.
Se você possui uma média de para cada 30 prospecções 1 venda, por exemplo, com 25 Nãos você estará mais próximo de ouvir um SIM! Então não desista.

Compreenda seus números e perceba o que eles têm para te dizer. Quanto mais “Não” você ouvir, mais próximo do “Sim” você estará. Porque é assim que funciona o Funil.

Mas em quanto tempo eu consigo me estabelecer atraindo e mantendo Clientes?

Depende da sua estratégia de engajamento, do investimento em atração de clientes, da sua abordagem, do perfil de compra do seu público…

Sua prospecção deixa claro quais são os benefícios e a transformação que o seu produto oferece? (leia meu artigo sobre pessoas que não sabem o que vendem)

Assim como atrair visitantes não é vender, prospectar também não é. A atividade de prospecção deve ser diária e contínua. Só ela engaja os visitantes para que eles se tornem Possíveis Compradores >> Compradores >> Clientes.

Esteja atento se você está atraindo os Visitantes certos.

Não se desgaste querendo abraçar o mundo: tenha foco nos Visitantes certos e prospecte mostrando o valor, o benefício de seus produtos. Conduza seu Possível Comprador ao Funil e faça com que ele se torne seu Cliente!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s